Dicas de segurança

Como aumentar a segurança digital da sua empresa?

Como aumentar a segurança digital da sua empresa?

A segurança da informação é um tema que tem estado constantemente em evolução nas empresas em todo o Mundo. O novo regulamento geral de proteção de dados que entrou em vigor em maio do ano passado veio reforçar a necessidade de proteger a informação empresarial. As empresas precisam de garantir que os seus dados estão seguros, pois só deste modo conseguem manter intactas as relações com clientes e demais stakeholders. Mas numa era em que as ameaças são mais do que muitas, como aumentar a segurança digital da sua empresa?

Não grave senhas automaticamente

É muito mais prático se gravarmos as nossas senhas no computador que usamos com mais frequência, mas não é uma prática indicada no que à segurança dos dados diz respeito. Com alguns passos simples, qualquer hacker consegue decifrar facilmente as senhas guardadas no computador e, assim, acede a informação privada. O ideal é utilizar um programa que faça a gestão de passwords.

Crie uma política de segurança da informação

A política de segurança é um documento desenvolvido pela empresa onde se registam os princípios de segurança que a empresa adota e que devem ser seguidos pelos colaboradores e é cada vez mais uma necessidade nas empresas atuais. A política de segurança deve ser aplicada em todos os sistemas de informação, a nível de desktop e de mobile. Para que a política seja respeitada, é essencial que os gestores de topo participem na sua implementação e que haja sessões de esclarecimento sobre cada ponto deste documento.

Utilize mascaramento de dados em ambientes de teste

O mascaramento de dados visa a criação de uma versão dos dados estruturalmente idêntica, mas não igual à versão original. Esta técnica cria uma base de dados com informação fictícia, mas realista, que pode ser utilizada para fins de testes e formação. As soluções de mascaramento de dados oferecem uma variedade de técnicas scrambling sofisticadas para proteger dados sensíveis, substituindo-os de forma irreversível por dados que não são reais, mantendo a integridade referencial da base de dados. É cada vez mais importante que as empresas adotem esta técnica, pois os ataques informáticos são cada vez mais sofisticados, o que faz com que sejam mais imprevisíveis e mais letais. O Datapeers é um bom exemplo de um produto de mascaramento de dados.

Ter uma política de backups rígida

É essencial que a informação mais importante da sua empresa tenha diversas cópias, para que não haja o risco de perda de dados para sempre. Se há uns anos guardar os dados em discos externos ou em pen’s era suficiente, hoje em dia aconselha-se completamente o uso da Cloud, pois é das soluções mais fiáveis e mais seguras do mercado. Além de ter os seus dados guardados num local seguro, pode aceder a estes a partir de qualquer local e de qualquer dispositivo, desde que tenha acesso à Internet.

 

Dica extra:

Por vezes, nem todas as prevenções são suficientes para garantir que nada de mal acontece! Por isso, uma solução de recuperação de desastres – disaster recovery – é aconselhada. Esta solução é um processo muito completo que garante a proteção dos dados e a sua recuperação em caso de falhas. O backup faz parte do disaster recovery, mas é apenas uma das suas componentes. O disaster recovery é uma solução muito completa visto que além de copiar os dados também garante o seu restauro de forma eficiente em caso de desastres naturais ou falhas de infraestrutura. Este tipo de soluções tem como grande objetivo eliminar (ou pelo menos minimizar em larga escala) o tempo de inatividade de uma empresa devido a falhas. O RAAS é um serviço de disaster recovery totalmente gerido por equipa especializada e dá-he a possibilidade de recuperar um servidor virtual em segundos.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *