Dicas de gestão

Como aumentar a segurança da sua empresa em 7 passos

Como aumentar a segurança da sua empresa em 7 passos

Vivemos num mundo altamente digital e por isso as ameaças à segurança dos dados têm-se proliferado a uma velocidade muito rápida. Hoje em dia, as empresas precisam efetivamente de utilizar soluções de segurança de dados, sob pena de verem as suas informações confidenciais expostas. É essencial trabalhar no sentido de aumentar a segurança da empresa, pois a exposição de dados privados pode comprometer a sobrevivência da empresa. No artigo de hoje deixamos-lhe algumas dicas para aumentar a segurança da sua empresa em 7 passos!

Não descure o uso de antivírus

As empresas não devem descurar o uso do antivírus e devem utilizá-lo em todos os dispositivos. Este deve estar sempre atualizado e é recomendado que as empresas invistam em licenças de antivírus, pois as versões gratuitas apenas oferecem um nível básico de proteção. Contudo, é importante que tenha em conta que nenhum antivírus oferece garantias de uma proteção 100% eficaz e é essencial que as empresas formem os seus colaboradores para estarem atentos a links suspeitos e para contribuírem para a proteção da informação da empresa.

Efetue backups com regularidade

É essencial manter uma cópia de todas as bases de dados que existem na empresa, pois assim garante que mesmo em situações de ataque a informação não é perdida. No entanto, é importante ressalvar que essas cópias devem ficar armazenadas em servidores distintos, porque se estiverem todos no mesmo local, acabará por perder tudo. Realizar os backups dos seus dados na Cloud é uma excelente opção.

Limitar o acesso dos colaboradores

Nem todos os colaboradores devem ter acesso aos dados mais sensíveis da organização. Cada colaborador só deve ter acesso aos dados de que realmente precisa para desempenhar as suas funções. Deve haver um controlo rígido sobre toda a gente que tem acesso à informação confidencial, pois o erro humano é muito provável de acontecer. Deve minimizar-se os privilégios e dar acesso apenas à informação de que cada departamento precisa.

Implementar uma política de segurança

A política de segurança é um documento desenvolvido pela empresa onde se registam os princípios de segurança que a empresa adota e que devem ser seguidos pelos colaboradores. A política de segurança deve ser aplicada em todos os sistemas de informação, a nível de desktop e de mobile. Para que a política seja respeitada, é essencial que os gestores de topo participem na sai implementação.

Utilize criptografia ou mascaramento de dados

Os arquivos que contêm informação importante e confidencial devem ser alvo de um sistema de criptografia pois deste modo garante-se que só pessoas autorizadas conseguem aceder à informação. Existem soluções gratuitas que permitem colocar esta funcionalidade nos ficheiros, mas aconselha-se que faça uma pesquisa exaustiva sobre as melhores e mais seguras, de modo a escolher a ferramenta certa. Mascarar os dados tem o principal objetivo de proteger os dados confidenciais contra acessos não autorizados. Na prática, as ferramentas de mascaramento de dados criam uma versão semelhante aos dados originais em termos de estrutura mas sem revelar a sua verdadeira informação. Na realidade, o seu formato original mantêm-se inalterado mas os dados apresentados são fictícios. Os dados mascarados podem ser utilizados em ambientes de teste e em auditorias, não comprometendo o resultado da análise, mas garantindo sempre a confidencialidade da informação sensível.

Evite o uso de dispositivos amovíveis

Pens, CD’s e discos externos podem ser a entrada de muitos softwares perigosos para a rede empresarial, colocando a segurança da informação em risco. O uso destes dispositivos fora do local de trabalho pode colocar os dados privados à mercê de qualquer pessoa. Não sendo possível eliminar totalmente o uso destes aparelhos, é importante restringir a sua utilização em algumas máquinas, de modo a evitar que vírus se propaguem pela organização.

Utilize uma solução de disaster recovery

Por muito que o responsável de informática faça o seu melhor, podem sempre existir problemas, dado que as ameaças informáticas estão cada vez mais sofisticadas. Um plano de recuperação de desastres pode ser a salvação de uma empresa. Este documenta contempla todas as ações e procedimentos a serem tomados em caso de falhas, de modo a recuperar os serviços informáticos sem comprometer os dados. Problemas com os servidores, falhas em máquinas e vírus na rede são alguns dos problemas que podem acontecer numa empresa e comprometer toda a segurança. O RAAS é um serviço gerido 24 horas por dia e 7 dias por semana para uma garantia de disponibilidade das suas aplicações.

 

2 thoughts on “Como aumentar a segurança da sua empresa em 7 passos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *